Transferência de renda direta em Senador Canedo-GO: análise dos impactos do programa Bolsa Família na metrópole goiana

Transfer of direct income in Senador Canedo-GO: analysis of the impacts of the Bolsa Família program in metropole goiana

  • Gabriel da Costa Cabral Universidade Federal de Goiás - IESA
  • Leandro Oliveira de Lima Universidade Federal de Goiás - IESA
Palavras-chave: Bolsa Família. Transferência de renda. Metrópole goiana. Senador Canedo.

Resumo

O texto analisa a transferência de renda direta realizada pelo governo federal por meio do Programa Bolsa Família no município de Senador Canedo (GO) entre os anos de 2004 e 2017, buscando compreender os impactos desse Programa na capitalização econômica de um município inserido na metrópole goiana. Os procedimentos metodológicos consistiram em revisão de literatura e levantamento de dados de fonte secundária. As análises indicaram elementos que destacam a capilaridade do Bolsa Família em Senador Canedo e na Região Metropolitana de Goiânia em relação ao número de pessoas beneficiadas e o valor desembolsado pelo Programa mensalmente, possuindo papel crucial na circulação de capital no município. Um efeito secundário da pesquisa também identificou a instabilidade do Bolsa Família em relação a períodos de crise econômica e política, causando a retração do Programa e da rede de proteção gerada através de sua execução, o que de certo modo apontou para efeitos na dinâmica de capitalização da economia urbana em ambientes metropolitanos.

Abstract: The text analyzes the direct income transfer carried out by the federal government through the Bolsa Família Program in the municipality of Senador Canedo (GO) between 2004 and 2017, seeking to understand the impacts of this program on the economic capitalization of a municipality located in the metropolis of Goiás. The methodological procedures consisted of literature review and secondary source data collection. The analyzes indicated elements that highlight the capillarity of the Bolsa Família in Senador Canedo and in the Metropolitan Region of Goiânia in relation to the number of beneficiaries and the amount disbursed by the Program monthly, having a crucial role in the circulation of capital in the municipality. A secondary effect of the research also identified the instability of the Bolsa Família in relation to periods of economic and political crisis, causing the retraction of the Program and the protection network generated through its execution, which in a way pointed to effects on the capitalization dynamics of the urban economy in metropolitan environments.

 Keywords: Bolsa Família. Transfer of income. Metropolis of Goiás. Senador Canedo.

Resumen: El texto analiza la transferencia de renta directa realizada por el gobierno federal a través del Programa Bolsa Familia en el municipio de Senador Canedo (GO) entre los años 2004 y 2017, se busca comprender los impactos de esse Programa en la capitalización económica del municipio insertado en la metrópoli goiana. Los procedimientos metodológicos consistieron en revisión de literatura y levantamiento de datos de fuente secundaria. Los análisis muestran elementos que destacan la capilaridad del Bolsa Familia en Senador Canedo y en la Región Metropolitana de Goiânia con relación al número de personas beneficiadas y el valor desembolsado por el programa mensualmente, se ressalta su papel crucial en la circulación de capital en el municipio. Un efecto secundario de la investigación también identificó la inestabilidad del Bolsa Familia en relación a períodos de crisis económica y política, causando la contracción del Programa y de la red de protección generada a través de su ejecución, lo que en cierto modo apunta a efectos en la dinámica de capitalización de la economía urbana en ambientes metropolitanos.  

Palabras clave: Bolsa Família. Transferencia de renta. Metrópoli goiana. Senador Canedo.

 

Biografia do Autor

Gabriel da Costa Cabral, Universidade Federal de Goiás - IESA

Licenciado e Mestrando em Geografia pela Universidade Federal de Goiás. Membro do Grupo de Pesquisa Trabalho, Território e Políticas Públicas (TRAPPU) do Laboratório de Estudos e Pesquisas das Dinâmicas Territoriais (LABOTER – IESA/UFG).

Leandro Oliveira de Lima, Universidade Federal de Goiás - IESA

Licenciado, mestre e doutor em Geografia. Docente da Universidade Federal de Goiás.

Referências

ARRAIS, Tadeu Alencar. O Bolsa Família e a tradução regional da questão social. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, Brasil, n. 65, p. 200-226, dez. 2016.
ARRAIS, Tadeu Alencar. Risco social no espaço rural: a reforma previdenciária e o fim da aposentadoria rural. Goiânia: Editora da Imprensa Universitária, 2017. 67p.
ARRAIS, Tadeu Alencar. A questão social, a previdência rural e a capitalização econômica da escala municipal. Boletim goiano de geografia, v. 37, p. 192-221, 2017.
ARRAIS, Tadeu, PINTO, José. Integrar para segregar: uma análise comparativa do tecido urbano-regional de Goiânia e Brasília. Diez años de cambios en el Mundo, en la Geografía y en las Ciencias Sociales, 1999-2008. Actas del X Coloquio Internacional de Geocrítica, Universidad de Barcelona, 26-30 de mayo de 2008. Disponível em: http://www.ub.es/geocrit/-xcol/307.htm. Acesso em: 19 dez. 2018.
BRASIL. Data-Social – portal que disponibiliza dados sobre as políticas e programas do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. Disponível em: http://aplicacoes.mds.gov.br/sagi/simulacao/layout/teste/miv_novo.php. Acesso: 8 fev. 2018.
______. Matriz de Informações Sociais. Disponível em: http://aplicacoes.mds.gov.br/sagi-data/misocial/tabelasmi_social.php. Acesso em: 22 nov. 2017.
______. Medida Provisória n. 132, de 20/10/2003. Cria o Programa Bolsa Família e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/mpv/Antigas_2003/132.htm. Acesso em: 07 fev. 2018.
DIEESE, Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos. Custo da Cesta Básica. Disponível em: https://www.dieese.org.br/. Acesso em: 8 abril, 2018.
ESPING-ANDERSEN, Gosta. As três economias políticas do welfare state. Lua Nova, São Paulo, v. 24, n. 9, p.86-116, set. 1991. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ln/n24/a06n24.pdf. Acesso em: 9 abril, 2018.
IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo - 2010. Disponível em: http://censo2010.ibge.gov.br/resultados.html. Acesso em: 12 março, 2018.
_____. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Contas Nacionais Trimestrais. Produto Interno Bruto – 2015. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/indicadores/pib/defaultcnt.shtm. Acesso em: 8 dez. 2017.
_____. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio Contínua – Trimestral. Disponível em: https://ww2.ibge.gov.br/home/estatistica/indicadores/trabalhoerendimento/pnad_continua/default.sht. Acesso em: 19 set. 2018
IMB, Instituto Mauro Borges. Estatísticas Municipais. Disponível em: http://www.imb.go.gov.br/. Acesso em: 12 março, 2018.
LIMA, Leandro Oliveira. As metamorfoses recentes no espaço urbano de Senador Canedo: rearranjos nos espaços da metrópole goiana. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Federal de Goiás, Instituto de Estudos Sócio-Ambientais, 2010. 205 f.
MEDEIROS, Marcelo; BRITTO, Tatiana; SOARES, Fábio. Transferência de renda no Brasil. Novos Estudos– Cebrap, São Paulo, n. 79, 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-33002007000300001&script=sci_arttext. Acesso em: 18 abril de 2018.
MOURA, P. M. G. de. Bolsa Família: projeto social ou marketing político?. Revista Kátal, Florianópolis, v. 10, nº 1, jan./jun. 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rk/v10n1/v10n1a13. Acesso em: 13 maio de 2018.
NERI, Marcelo Cortes; VAZ, Fábio Monteiro; SOUZA, P. Herculano G. Efeitos macroeconômicos do Programa Bolsa Família: uma análise comparativa das transferências sociais. In: CAMPELLO, Tereza; NERI, Marcelo Côrtes (Org.). Programa Bolsa Família: uma década de inclusão e cidadania. Brasília, Ipea, 2013.
POCHMANN, M. Políticas sociais e padrão de mudanças no Brasil durante o governo Lula. Ser Social (UnB), v. 13, p. 12-40, 2011.
ROCHA, Sonia. Programa Bolsa Família: Evolução e efeitos sobre a pobreza. Economia e Sociedade, Campinas, v. 20, n. 1, p. 113- 139. 2011.
SILVA, Maria O. da S.; LIMA Valéria. F. S. de A. Avaliando o Bolsa Família: unificação, focalização e impactos. São Paulo: Cortez, 2010.
SILVA, Maria Ozanira da Silva e; YAZBEK, Maria Carmelita; DI GIOVANNI, Geraldo. A Política Brasileira no Século XXI: a prevalência dos programas de transferência de renda. São Paulo: Cortez, 2004.
TCM, Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás. Receitas do Executivo. Disponível em: https://www.tcm.go.gov.br/portaldocidadao/index.jsf;jsessionid=A92EE4ED9E9CB9438AE55026F96319C1. Acesso em: 09 março de 2018.
PORTAL ODM. Acompanhamento Brasileiro dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Disponível em: http://www.portalodm.com.br/. Acesso em: 14 abril de 2018.
WANDERLEY, L. Eduardo W. A questão social no contexto da globalização: o caso latino-americano e o caribenho. In: BELFIORE-WANDERLEY, Mariangela; BÓGUS, Lucia; YAZBEK, M. Carmelita. Desigualdade e a questão social 4. ed. São Paulo: Educ, 2015.
Publicado
2020-11-20
Como Citar
Cabral, G., & de Lima, L. (2020). Transferência de renda direta em Senador Canedo-GO: análise dos impactos do programa Bolsa Família na metrópole goiana. Élisée - Revista De Geografia Da UEG, 9(2), e922032. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/elisee/article/view/11201