AVALIAÇÃO GENOTÓXICA E MICROBIOLÓGICA DA ÁGUA DE NASCENTES E LAGOS DO JARDIM BOTÂNICO DE GOIÂNIA – GO

  • Gabriela Rodrigues de Sousa Universidade Federal de Goiás (UFG)
  • Murillo de Sousa Pinto Faculdade Alfredo Nasser (UNIFAN)
  • Mônica de Oliveira Santos Universidade Federal de Goiás (UFG)
  • Lorrane Rodrigues Silva Faculdade Alfredo Nasser (UNIFAN)
  • Lilian Carla Carneiro Universidade Federal de Goiás (UFG)
  • Aroldo Vieira de Moraes Filho Faculdade Alfredo Nasser (UNIFAN)

Resumo

O crescimento da população mundial resulta em grandes impactos ambientais, consequentemente na qualidade da água. O estudo teve como objetivo verificar o impacto da ação antropogênica na qualidade microbiológica, citotóxica e genotóxica da água do Jardim Botânico de Goiânia, Goiás. Análise microbiológica com determinação do Número mais provável (NMP) para coliformes totais e fecais, identificação das principais cepas contaminantes através de meios seletivos, diferenciais e provas bioquímicas; investigação da citotoxicidade e genotoxicidade da água pelo teste em Allium cepa. As amostras de água coletadas no Jardim Botânico apresentaram contaminação por coliformes totais entre 1,3 x 103 a 7,4 x 106 e coliformes fecais entre 1,6 x 102 a 3,2 x 104. Gêneros potencialmente patogênicos como Escherichia coli, Klebsiella spp., Salmonella spp. e Pseudomonas spp. foram identificados. As amostras de água coletadas em dois lagos, apresentaram resultados significativos para citotoxicidade e genotoxicidade no sistema de A. cepa. Todas as amostras avaliadas da água do Jardim Botânico, apresentaram baixa qualidade higiênico-sanitária, além de possível ação citotóxica e genotóxica em dois lagos. Esses resultados e mais a presença de degradação ambiental, entulhos e lixo no local, sugerem impacto antropogênico significativo nesse ambiente.

Palavras-chave: Número mais provável. Coliformes. Allium cepa.

Biografia do Autor

Murillo de Sousa Pinto, Faculdade Alfredo Nasser (UNIFAN)

 

 

 

Lorrane Rodrigues Silva, Faculdade Alfredo Nasser (UNIFAN)

 

 

 

Lilian Carla Carneiro, Universidade Federal de Goiás (UFG)

 

 

 

 

Aroldo Vieira de Moraes Filho, Faculdade Alfredo Nasser (UNIFAN)

Professor na Faculdade Alfredo Nasser (UNIFAN)

Publicado
2020-09-03
Seção
Artigos