Conceitos e categorias de análise mobilizadas em pesquisa de campo: o caso da TV brasileira em regiões de fronteira internacional

  • Roberta Brandalise FACULDADE CÁSPER LÍBERO

Resumo

Estudamos as implicações do consumo de televisão brasileira em regiões de fronteira nas quais o Brasil faz divisa territorial com a Argentina, o Paraguai e o Uruguai. Nessas regiões o consumo da televisão brasileira ocorre dos dois lados da fronteira há quatro décadas. A mediação televisiva participa das relações interculturais que se dão entre brasileiros e outros povos latino-americanos no cotidiano. Portanto, para estudar a participação da televisão brasileira na sociabilidade e na articulação identitária que se dá entre esses povos, identificamos quais as matrizes produtoras de significados com as quais as representações televisivas concorrem e apreendemos como essas mesmas categorias integram as apropriações e usos que os fronteiriços fazem da televisão. As categorias identificadas como indispensáveis foram: nação, região, rural-urbano e estrato socioeconômico.

Publicado
2020-07-17