José Martí: a derrota do intelectual radical na cena do capitalismo colonial

José Martí: the defeat of the radical intellectual on the scene of colonial capitalism

  • Iago Brasileiro da Silva Rocha Universidade Estadual de Goiás
  • Lucas Pires Ribeiro Universidade Estadual de Goiás - Campus Itapuranga
Palavras-chave: José Martí; Cuba; Intelectual.

Resumo

O presente artigo se ocupa de analisar a trajetória política e intelectual do cubano José Martí (1853-1895). A pesquisa procura observar em que medida o destacado revolucionário pode ser considerado um intelectual colapsado do ponto de vista político e institucional, tendo como protagonista dessa derrota as forças representantes do “capitalismo colonial” na América Latina. Defendemos a tese de que a derrota representa a continuidade do colonialismo espanhol, manifestada por meio de outras formas de opressão presentes na América Oitocentista, tais como o neocolonialismo imperialista dos Estados Unidos. O recorte temporal e espacial enfatiza Cuba a partir de meados do século XIX, tendo como arcabouço teórico as fontes primárias dos escritos martianos, destacando as Obras Completas, entre outros intelectuais especializados nos estudos sobre sua obra.  

José Martí: the defeat of the radical intellectual on the scene of colonial capitalism

Abstract: This article analyzes the political and intellectual trajectory of Cuban José Martí (1853-1895). The research seeks to observe to what extent the outstanding revolutionary can be considered a collapsed intellectual from a political and institutional point of view, having as protagonists of this defeat the representative forces of “colonial capitalism” in Latin America. We defend the thesis that the defeat represents the continuity of Spanish colonialism, manifested through other forms of oppression present in nineteenth-century America, such as the imperialist neocolonialism of the United States. The temporal and spatial approach emphasizes Cuba from the mid-nineteenth century, having as theoretical framework the primary sources of martian writings, highlighting the Complete Works, among other intellectuals specialized in the studies of his work.

Keywords: José Martí; Cuba; Intellectual.

José Martí: la derrota del intelectual radical en el escenario del capitalismo colonial

 

Resumen: Este artículo se preocupa por analizar la trayectoria política e intelectual del cubano José Martí (1853-1895). La investigación busca observar hasta qué punto el destacado revolucionario puede ser considerado un intelectual colapsado desde el punto de vista político e institucional, teniendo como protagonista de esa derrota las fuerzas representantes del "capitalismo colonial" y neocolonial en América Latina. Defendemos la tesis que la derrota representa la continuidad del colonialismo español, manifestada por medio de otras formas de opresión presentes en la América del Siglo XVIII, tales como el neocolonialismo imperialista de los Estados Unidos. El recorte temporal y espacial enfatiza Cuba a partir de mediados del siglo XIX, teniendo como marco teórico las fuentes primarias de los escritos martianos, destacando las Obras Completas, entre otros intelectuales especializados en los estudios sobre su obra.

 Palabras clave: José Martí; Cuba; Intelectual.

Biografia do Autor

Iago Brasileiro da Silva Rocha, Universidade Estadual de Goiás

Graduado em História pela Universidade Estadual de Goiás (UEG) - Campus Porangatu (2018), Mestre em História pelo Programa de Pós-graduação em História da Universidade Estadual de Goiás.

Lucas Pires Ribeiro, Universidade Estadual de Goiás - Campus Itapuranga

Mestre em Ciências Sociais e Humanidades pelo Programa TECCER (UEG). Doutorando em História pelo PPGH da Universidade Federal de Goiás (UFG). Especialista em História do Imaginário e Literatura (FAI). Graduado em Licenciatura Plena em História pela Universidade Estadual de Goiás, Câmpus Itapuranga. Professor efetivo da Universidade Estadual de Goiás - Unidade Universitária de Itapuranga.

Referências

BIANCHI, Álvaro. Gramsci, Croce e a história política dos intelectuais. Revista Brasileira De Ciências Sociais, São Paulo, v. 34, nº 99, p. 1-17, 2018.

BANDEIRA, Luiz Alberto Moniz. De Martí a Fidel: a Revolução Cubana e a América Latina. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2009.

CARVALHO, Eugênio Rezende. América para a Humanidade: o americanismo universalista de José Martí. Goiânia: Editora UFG, 2003.

CARVALHO, Eugênio Rezende. Nossa América: A Utopia de um Novo Mundo. São Paulo: Editora Anita Garibaldi, 2001.

CARVALHO, Eugênio Rezende. Ideias e identidades da América: Quatro Visões. Anais eletrônicos do III encontro da ANPHLAC, São Paulo: P.1-19, 1998.

CHAUÍ, Marilena. História no pensamento de Marx. In: BORON, Atilio A.; AMADEO, Javier; GONZÁLEZ, Sabrina (Orgs.). A Teoria Marxista Hoje: problemas e perspectivas. Buenos Aires: CLACSO, 2007.

CHAUNU, Pierre. História da América Latina. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1971.

DUSSEL, Enrique. 1492: O encobrimento do outro: A origem do mito da modernidade. Petrópolis: Vozes, 1993.

FRANK, Andre Gunder. Acumulação Dependente e Subdesenvolvimento. São Paulo: Editora Brasiliense, 1980.

FANON, Frantz. Os Condenados da Terra. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1961.

FERNANDES, Florestan. Da Guerrilha ao Socialismo. São Paulo: Expressão Popular, 2007.

FURTADO, Celso. A Economia Latino-Americana: formação histórica e problemas contemporâneos. 3ª ed. São Paulo: Companhia Editorial Nacional, 1986.

GRAMSCI, Antonio. Os Intelectuais e a Organização da Cultura. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1982.

GONZALEZ, Yaditza, del Sol. Dois Homens, Um Sonho. Granma, Cuba, 2018. Disponível em: http://pt.granma.cu/cuba/2018-01-26/dois-homens-um-sonho. Acessado em 29 de fevereiro de 2020.

LOPES, Carlos. Prefácio. In: MARTÍ, José. Versos Singelos. Tradução de Sidnei Schneider. Porto Alegre: SBS, 1997.

LINCH, John. As Origens da Independência da América Latina. In: BETHELL, Leslie. (Org.). História da América Latina: da independência até 1870. Volume III. São Paulo: USP, 2001, p. 19-72.

O`GORMARN, Edmundo. A Invenção da América: reflexão a respeito da estrutura histórica do Novo Mundo e do sentido do seu devir. São Paulo: UNESP, 1992.

ORTIZ, Fernando. Contrapunteo Cubano Del Tabaco y el Azúcar. Caracas: Biblioteca Ayacucho, 1987.

PRADO, Maria Ligia Coelho. América Latina no Século XIX: tramas, telas e textos. Ed. USP, 2014.

PRADO, Maria Ligia; PELLEGRINO, Gabriela. História da América Latina. São Paulo: Contexto, 2014.

RAMOS, Julio. Desencontros da Modernidade na América Latina: Literatura e Política no século XIX. Belo Horizonte: UFMG, 2008.

RETAMAR, Roberto Fernandes. Nossa América. São Paulo: HUCITEC, 1983.

Fontes Primárias

MARTÍ, José. El Presídio político en Cuba. In: MARTÍ, José. Obras Completas. Volume 1. Centro de Estudios Martinos e Karisma Digital, 2001, p. 45-74.

MARTÍ, José. Esmaelillo. Nueva York, [não há ano de publicação]. In: Obras Completas. Volume 16. Centro de Estudios Martinos e Karisma Digital, 2001, p. 19-53

MARTÍ, José. Versos Sencillos. Nueva York, 1891. In: MARTÍ, José. Obras Completas. Volume 16. Centro de Estudios Martinos e Karisma Digital, 2001, p. 63-125.

MARTÍ, José. Abdala. La Patria Libre. Habana, 23 de octubre 1869. In: MARTÍ, José. Obras Completas. Volume 18. Centro de Estudios Martinos e Karisma Digital, 2001, p. 11-24.

MARTÍ, José. Sr. Mendive. [sem local de publicação] 1868. In: MARTÍ, José. Obras Completas. Volume 20. Centro de Estudios Martinos e Karisma Digital. 2001, p. 245.

MARTÍ, José. Sr. Mendive. [sem local de publicação] 1869. In: MARTÍ, José. Obras Completas. Volume 20. Centro de Estudios Martinos e Karisma Digital, 2001, p. 246-247.

MARTÍ, José. A Rafael Maria de Mendive. [sem local de publicação] 15 de janeiro, 1871. In: MARTÍ, José. Obras Completas. Volume 20. Centro de Estudios Martinos e Karisma Digital. 2001, p.247.
Publicado
2021-10-20
Como Citar
Rocha, I., & Ribeiro, L. (2021). José Martí: a derrota do intelectual radical na cena do capitalismo colonial. Élisée - Revista De Geografia Da UEG, 10(2), e102214. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/elisee/article/view/11919
Seção
Artigos