A criação do fantástico, do estranho e do maravilhoso em três contos norte-americanos

  • Adolfo José Souza Frota Docente da Universidade Estadual de Goiás (UEG)
Palavras-chave: Fantástico. Estranho. Maravilhoso. Conto

Resumo

O objetivo desse artigo é analisar três contos de três autores norte-americanos do século XIX e XX e discutir a criação do fantástico, do estranho e do maravilhoso nessas histórias. Como uma reação ao racionalismo, a literatura fantástica tem como assunto principal o sobrenatural mesmo que, de acordo com determinadas categorias teóricas, o sobrenatural seja aceito, negado ou ambíguo. Nosso artigo discutirá essas três posições teóricas a partir de três narrativas curtas norte-americanas. 

Biografia do Autor

Adolfo José Souza Frota, Docente da Universidade Estadual de Goiás (UEG)

Docente da Universidade Estadual de Goiás (UEG – Campos Belos). Mestre e doutorando em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (FAPEG)

Como Citar
Frota, A. (1). A criação do fantástico, do estranho e do maravilhoso em três contos norte-americanos. Via Litterae (ISSN 2176-6800): Revista De Linguística E Teoria Literária, 4(1), 123-144. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/vialitterae/article/view/5350
Seção
Teoria Literária