Como funcionam alguns fonemas no aplicativo Balabolka

  • Edio Roberto Manfio Universidade Estadual de Maringá (UEM)
Palavras-chave: Síntese de voz. Sociolinguística. Geografia Linguística. Balabolka.

Resumo

O salto gigantesco dado pela tecnologia na área da computação a partir da segunda metade do século vinte nos possibilitou avanços consideráveis nas áreas de síntese de voz, reconhecimento de voz, autenticação de voz ou comandos e controle por voz, correspondentes às quatro mais importantes áreas de processamento de sinais da fala. Para os linguistas isso pode significar cada vez mais possibilidades de aplicar mais pontualmente alguns conhecimentos que outrora ficariam restritos apenas aos congressistas, pesquisadores e estudiosos da área. O objetivo desse artigo é justamente comentar, à luz de algumas teorias envolvidas com a Sociolinguística, Geografia Linguística e Dialetologia entre outras, sobre ao menos a síntese de voz, que é apenas uma das quatro áreas citadas e, no âmbito específico da síntese de voz, acerca de um desses vários aplicativos disponíveis: o Balabolka

Biografia do Autor

Edio Roberto Manfio, Universidade Estadual de Maringá (UEM)

Aluno especial em Estudos da Linguagem Universidade Estadual de Londrina (UEL). Mestre pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Docente das Fatecs de Presidente Prudente e Ourinhos. E-mail: edio@femanet.com.br.

 

Como Citar
Manfio, E. (1). Como funcionam alguns fonemas no aplicativo Balabolka. Via Litterae (ISSN 2176-6800): Revista De Linguística E Teoria Literária, 4(2), 191-204. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/vialitterae/article/view/5287
Seção
Linguística