A Microtoponímia da região de Balsas (Maranhão): um estudo ecolinguístico preliminar

  • Maria Célia Dias de Castro Universidade Estadual do Maranhão (Balsas)
Palavras-chave: Microtoponímia, Região de Balsas, Análise Ecolinguística.

Resumo

Este trabalho apresenta um estudo da microtoponímia da região de Balsas, numa reflexão preliminar que parte da ecolinguística, e investiga os nomes de lugares menores como povoados, vilas, fazendas, sertões. O foco principal é verificar as relações População, Território e Língua, em que se propõe que a microtoponímia em análise é influenciada pelo conjunto de relações que envolvem esse trinômio. Cabe identificar as que são mais reveladoras, considerando-se os nomes em relação a essa tríade e de que forma eles têm influenciado este processo na região. Faz-se a classificação (COUTO, 2007) mediante o levantamento dos microtopônimos, em Castro (2012). 

Biografia do Autor

Maria Célia Dias de Castro, Universidade Estadual do Maranhão (Balsas)

Professora efetiva na Universidade Estadual do Maranhão (Balsas). Possui pós-doutoramento em Linguística pela UnB. E-mail: celialeitecastro@hotmail.com.

Como Citar
Castro, M. C. (1). A Microtoponímia da região de Balsas (Maranhão): um estudo ecolinguístico preliminar. Via Litterae (ISSN 2176-6800): Revista De Linguística E Teoria Literária, 7(1), 47-60. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/vialitterae/article/view/4449