LINGUAGENS EM EXPRESSÃO:

ENSINO REMOTO E TRANSDISCIPLINARIDADE NO COLÉGIO DE APLICAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA

Resumo

Este artigo apresenta a 1ª edição do Concurso Linguagens em Expressão desenvolvido no 2º semestre do ano letivo de 2020 no Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Roraima (CAp/UFRR), e teve como tema Pandemias - enfermidades que são amplamente disseminadas. A escolha do tema foi em virtude da situação que estamos vivenciando e que faz com que a humanidade investigue possibilidades para o enfrentamento da própria pandemia e de outras enfermidades que surgiram ou aumentaram durante esse período. Além de aspectos sociais como acesso e direito à educação, saúde, lazer, moradia e renda, a organização política, entre outros, que se evidenciam devido ao adoecimento e mortes em grande quantidade. O objetivo central foi estimular a expressão individual dos estudantes regularmente matriculados no Ensino Fundamental (Anos Iniciais e Finais) e no Ensino Médio do CAp, incentivando-os na estruturação de suas reflexões com e a partir das possibilidades do audiovisual, das artes visuais e da produção textual. A pesquisa teve abordagem qualitativa, caracterizada como descritiva. Nos resultados aponta-se que o colégio precisa viabilizar mais ações transdisciplinares na perspectiva de oportunizar aprendizagens significativas para além dos conteúdos programáticos na Base Nacional Comum Curricular (BNCC), possibilitando expressões por meio da comunicação e da arte.

Palavras-chave: Linguagens em expressão. Ensino remoto. Transdisciplinaridade. Pandemias.

Biografia do Autor

Soraya de Araújo Feitosa, UFRR

É Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática da REAMEC, Mestre em Ensino de Ciências pela Universidade Estadual de Roraima, Pós Graduada em Gestão Pedagógica pela Faculdade Internacional de Curitiba, Graduada em Licenciatura em Matemática pela Universidade Estadual de Roraima (2010) e em Pedagogia pelas Faculdades de Ciências do Norte do Brasil (2017). É membro do Grupo de Pesquisa de Didática da Resolução de Problemas em Ciências e Matemática. Tem experiência em docência no nível Fundamental, Médio e Superior. Atualmente trabalha no terceiro ano do Ensino Fundamental no Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Roraima (UFRR). Está aberta a novas propostas de pesquisa e parcerias para publicações em suas áreas de interesse.

Josias Marinho de Jesus Gomes, UFRR

É Professor efetivo de Artes Visuais no Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Roraima - CAP/UFRR. Doutorando no Programa de Pós Graduação em Educação: Conhecimento e Inclusão Social, da Faculdade de Educação da UFMG (PPGE/FaE/UFMG), linha de pesquisa: Educação, Cultura, Movimentos Sociais e Ações Coletivas. Possui graduação em Artes Visuais, Bacharelado (2007) e Licenciatura (2010) pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Especialização em História do Brasil: Diversidade Cultural pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUCMINAS (2012) e Mestrado em Literatura e Cultura Regional pela Universidade Federal de Roraima (2019). Atua como artista, professor e pesquisador, com ênfase em Ensino de Arte, Desenho, Ilustração e Plasticidades Populares, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino de arte, artes visuais, ensino de arte e plasticidades populares, arte/educação, formação de professores, ilustração editorial e científica, relações étnico-raciais e a Lei 10.639/2003, artistas negros brasileiros e desenho. É membro da Associação Brasileira de Pesquisadores (as) Negros (as) - ABPN, da Federação de Arte Educadores do Brasil - FAEB e da ABIPRO (Associação Brasileira de Ilustradores Profissionais).

Renata Morgado Silva, UFRR

Possui graduação em Pedagogia pela Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil (2011), fez Psicopedagogia Institucional e Clínica pela Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil (2013), concluiu Mestrado em Desenvolvimento Regional da Amazônia pela Universidade Federal de Roraima (2019). Tem cursos na Área de Atendimento Educacional Especializado e Educação Fiscal, trabalhou com PDDE (Programa Dinheiro Direto na Escola), com PMDDE (Programa Municipal Dinheiro Direto na Escola) e como formadora do Programa Projovem Urbano na SMEC (Secretaria Municipal de Educação e Cultura) até abril de 2015, atualmente trabalha no Colégio de Aplicação da UFRR em Boa Vista, Roraima.

Tainá Ribeiro Gonçalves, UFRR

Mestre em Literatura, Artes e Cultura Regional, pelo Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Federal de Roraima - UFRR (2017). Possui graduação em Artes Visuais pela UFRR (2014). Professora efetiva do Colégio de Aplicação da UFRR, ministrando as disciplinas de Artes Visuais e Cinema. Na área artística trabalha com Performance Art, Fotografia e cinema, em 2018 produziu e dirigiu o curta metragem independente "Rosazul". Áreas de Interesse: Performance Art, Arte Contemporânea, História da Arte, Arte e Cultura de Roraima, Fotografia e Cinema.

Publicado
2021-12-09
Seção
Dossiê Novo Normal (?): Artes e Diversidades em isolamentos