QUALIDADE DA EDUCAÇÃO: COMPREENSÕES TEÓRICAS E NORMATIVAS

Resumo

Este texto tem por objetivo refletir sobre as diferentes compreensões da qualidade da educação que envolvem questões teóricas e normativas. O artigo apresenta três questões: a primeira diz respeito às compreensões teóricas sobre o termo qualidade. A segunda questão trata das normas acerca da qualidade enquanto princípio que norteia a educação. A terceira, analisa as condições macrossociais e microssociais que devem ser consideradas na análise da qualidade. Para tanto, a metodologia empregada é a pesquisa bibliográfica e documental, de caráter qualitativo. A complexidade e dinamicidade do termo qualidade que se constitui em princípio norteador da educação, envolve abordagens divergentes e convergentes quanto à sua finalidade, titularidade e amplitude que se configuram nas intenções para a sua consecução.

Biografia do Autor

MARIA APARECIDA RODRIGUES DA FONSECA, Universidade Federal de Goiás

Doutoranda e Mestre em Educação pela Universidade Federal de Goiás/UFG. Especialista em Metodologia de Ensino e Pesquisa na Educação Superior pela Uni-Evangélica; Metodologia do Ensino Fundamental e Mídias na Educação pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Professora efetiva da Rede Municipal de Anápolis, atuando como coordenadora pedagógica na Escola Municipal Ayrton Senna da Silva em Anápolis - Go e Participante do Grupo de Estudos e Pesquisa em Tecnologias e Educação a Distância (GEaD/UFG/DGP-CNPq).

DANIELA DA COSTA BRITTO PEREIRA LIMA, Universidade Federal de Goiás

Daniela da Costa Britto Pereira Lima. Professora da UFG no Curso de Pedagogia e no Programa de Pós-Graduação em Educação. Mestre em Educação pela UFG. Doutora em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento pela UFRJ e Pós-Doutora em Educação pela UFMT. Líder do Grupo de Pesquisa em Tecnologias e Educação a Distância - GEaD/UFG/CNPq. Foi consultora em 2014 do Conselho Nacional de Educação na elaboração de dois documentos técnicos que serviram de base para a elaboração do Parecer e da resolução CNE n. 1/2016 das Diretrizes Nacionais Curriculares da Educação a Distância. Pesquisadora CNPq da área da Educação a Distância na Região Centro-Oeste - entre a institucionalização (2015-2018) e qualidade/inovação (2019-atual). Membro do GT TDIC/Reitoria/UFG de planejamento e acompanhamento do uso de TDIC na UFG.

Publicado
2021-12-23
Seção
Dossiê Qualidade e Inovação da/na Educação: concepções, possibilidades e desafio