Educação Física escolar: concepções de jovens, adultos e idosos

Palavras-chave: Educação Física, Escola, Ex-alunos, Experiências

Resumo

A partir do levantamento das práticas e discursos que perpassam as publicações científicas relacionadas à Educação Física; das legislações educacionais de 1961 (Lei 4.024), de 1971 (Lei 5.692 e decreto 69.450) e de 1996 (Lei 9.394); assim como, dos relatos de ex-alunos que vivenciaram esta disciplina/atividade; esta pesquisa teve como objetivo geral analisar a Educação Física escolar no Brasil, a partir das experiências de jovens, adultos e idosos, que tiveram aulas desta disciplina/atividade em diferentes contextos históricos. Foram utilizadas as seguintes fontes: legislações, documentos oficiais, livros, artigos, teses, dissertações e entrevistas. A Educação Física pode exercer um papel significativo diante do previsto/prescrito/orientado pelo campo político e acadêmico, na medida em que as condições objetivas e subjetivas sejam constituídas e acessadas pela comunidade escolar.

Publicado
2022-08-01
Como Citar
GOMES, D.; OLIVEIRA, R. DE C.; GASPARIN, J. L. Educação Física escolar: concepções de jovens, adultos e idosos. Praxia - Revista on-line de Educação Física da UEG, v. 4, p. e2022009, 1 ago. 2022.
Edição
Seção
Artigos Originais