A relação entre as concepções de língua/linguagem e a prática pedagógica do professor de língua portuguesa: implicações na inclusão de discentes disléxicos

Resumo

O presente artigo aborda a temática da relação entre as concepções de Língua/Linguagem e a prática pedagógica do professor de língua portuguesa, com implicações na inclusão de discentes disléxicos. A abordagem deste tema se deu a partir da seguinte inquietação: em que medida as concepções de língua/linguagem do professor de língua portuguesa, interfere na sua prática pedagógica e favorece ou dificulta à inclusão de discentes com dislexia? Para responder a esta inquietação, foi realizada uma pesquisa qualitativa em duas etapas: na primeira, buscou-se construtos teóricos acerca das concepções de Bakhtin/Volochínov (2006), Travaglia (1997, 2008), Geraldi (1997, 2004), entre outros; na segunda etapa da pesquisa, por meio de um estudo de caso com duas docentes de uma escola pública estadual do município de Santa Bárbara de Goiás, buscou-se evidenciar a relação da prática pedagógica com a forma como concebem a linguagem e o que isso implica na inclusão de discentes disléxicos. Os resultados do estudo apontam que a prática pedagógica dos professores pesquisados evidencia a concepção de língua/linguagem como formas de comunicação e expressão e isso prejudica a aprendizagem e, consequentemente, a inclusão de discentes disléxicos.

Biografia do Autor

Carla Salome Margarida, Universidade Estadual de Goiás (UEG)

Mestra pelo Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Educação, Linguagem e Tecnologias (PPG-IELT) da Universidade Estadual de Goiás (UEG – Unidade Universitária de Anápolis). Pedagoga. Especialista em Educação para a Diversidade e Cidadania; em Libras; Educação Especial e Neuropsicopedagogia. Docente da UEG/Inhumas e da Secretaria de Estado da Educação de Goiás.

Lattes iD: http://lattes.cnpq.br/6015330763150273

Orcid iD:  https://orcid.org/0000-0002-3063-6785

E-mail: c.salome@hotmail.com

Marlene Barbosa de Freitas Reis, Universidade Estadual de Goiás(UEG)

Pós-Doutora em Gestão da Informação e Conhecimento pela Universidade de Porto, Portugal. Doutorado em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Pedagoga. Atualmente é professora na Universidade Estadual de Goiás (UEG – Anápolis). Docente permanente no Programa de Pós-Graduação em Educação, Linguagem e Tecnologias (PPG-IELT) e no curso de Pedagogia da UEG/ Inhumas.

Lattes iD: http://lattes.cnpq.br/9396555981788500

Orcid iD: https://orcid.org/0000-0002-2213-7281

E-mail: marlenebfreis@hotmail.com

Publicado
2019-06-30
Como Citar
Margarida, C., & Reis, M. (2019). A relação entre as concepções de língua/linguagem e a prática pedagógica do professor de língua portuguesa: implicações na inclusão de discentes disléxicos. Via Litterae (ISSN 2176-6800): Revista De Linguística E Teoria Literária, 11(1), 59-76. https://doi.org/10.5281/zenodo.4118811
Seção
Linguística