TODOS OS CAMINHOS NOS LEVAM AOS “MEBENGOKRE": O PROCESSO DE OCUPAÇÃO DA REGIÃO DO BICO DO PAPAGAIO – TO:

DO FINAL DO SÉCULO XVIII ATÉ MEADOS DO SÉCULO XX

  • Ubiratan Francisco de Oliveira Universidade Federal do Tocantins (UFT)

Resumo

Resumo: Compreender o processo de ocupação da Região do Bico do Papagaio, marcada pela luta por terra e território desde os primeiros contatos entre os nativos e os colonizadores até o período de maior intensidade de migração de camponeses e fazendeiros para a região durante o período desenvolvimentista brasileiro, é o que se pretende com este artigo que faz parte de nossa pesquisa de doutoramento em desenvolvimento no Programa de Pós-Graduação em Geografia, do Instituto de Estudos Socioambientais, da Universidade Federal de Goiás. Para tanto, buscaremos, aqui, apresentar os pressupostos teóricos das categorias de análise presentes nos estudos geográficos que orientam o percurso metodológico construído por nós na realização da pesquisa. Como também, uma leitura dinâmica da Região do Bico do Papagaio com base em outras pesquisas presentes em nosso referencial teórico e nos trabalhos de campo realizados até o momento. Uma tentativa de tentar expressar as formas como enxergamos o processo de ocupação do Bico do Papagaio, extremo norte do estado do Tocantins, desde o século XVIII até meados do século XX numa perspectiva que dê ênfase aos povos tradicionais e camponeses, por muitas vezes “invisibilizados” na história do processo de formação do território brasileiro.

Palavras-Chave: Bico do Papagaio, Processo de Ocupação, Território.

Abstract: Understand the process of occupation of the Parrot's Beak Region, marked by the struggle for land and territory from the first contacts between the natives and the settlers until the period of greatest migration of peasants and farmers to the region during the Brazilian developmental period, This is what is intended with this article that is part of our PhD research under development in the Graduate Program in Geography, Institute of Socio-environmental Studies, Federal University of Goiás. To do so, we will present here the theoretical assumptions. of the analysis categories present in the geographic studies that guide the methodological path built by us in the accomplishment of the research. As well as a dynamic reading of the Bico do Papagaio Region based on other researches present in our theoretical framework and the field work done so far. An attempt to try to express the ways in which we see the process of occupation of the Bico do Papagaio, the northern end of the state of Tocantins, from the eighteenth century to the mid-twentieth century in a perspective that emphasizes the traditional and often “invisible” peasant peoples ”In the history of the process of formation of the Brazilian territory.

Keyword: Bico do Papagaio; Occupation Process; Territory.

Biografia do Autor

Ubiratan Francisco de Oliveira, Universidade Federal do Tocantins (UFT)

 

 

 

 

Publicado
2020-03-16