Políticas públicas de transferência de renda: uma reflexão sobre o programa bolsa família em Itumbiara (Goiás, Brasil)

  • Júlio Cesar Meira Universidade Estadual de Goiás - UnU Morrinhos
  • Franciele Ferreira Santos Universidade Estadual de Goiás

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar o Programa Bolsa Família enquanto política de Transferência de Renda, entre os anos de 2004 e 2011, com foco na realidade de Itumbiara-GO. Partimos do princípio de que o Programa Bolsa Família faz parte de um conjunto de políticas públicas destinadas a reduzir as desigualdades sociais históricas da sociedade brasileira. Por conta disso, a partir da análise de caráter histórico social, a pesquisa busca entender o universo de beneficiários, de modo a identificar a importância do Programa Bolsa Família e sua contribuição para o fortalecimento e inclusão social das famílias de baixa renda. O trabalho foi produzido a partir de pesquisas bibliográficas, especialmente em artigos e livros especializados, fontes orais e consultas à instituição organizadora do programa na cidade de Itumbiara, a FUNSOL (Fundação de Solidariedade). Por outro lado, a pesquisa também aborda as condicionalidades do programa, ou seja, os compromissos que os beneficiários assumem para permanecer no programa.

Biografia do Autor

Júlio Cesar Meira, Universidade Estadual de Goiás - UnU Morrinhos
Professor e pesquisador de História na Universidade Estadual de Goiás, Unidade Universitária de Morrinhos
Franciele Ferreira Santos, Universidade Estadual de Goiás
Licenciada em História pela Universidade Estadual de Goiás, UnU Itumbiara
Publicado
2013-08-27
Como Citar
Meira, J., & Santos, F. (2013). Políticas públicas de transferência de renda: uma reflexão sobre o programa bolsa família em Itumbiara (Goiás, Brasil). Revista De História Da UEG, 2(1), 278-300. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/revistahistoria/article/view/1336