“Este povo está oprimido e tiranizado”: Petição e capítulos contra o mau governo na América Portuguesa (1630 – 1640)

Autores

  • Luis Henrique Souza dos Santos Universidade Federal do Rio de Janeiro

Resumo

Resumo: O presente artigo[1] trata dos capítulos escritos por Lourenço de Brito Correia, homem de posses na Bahia e militar conhecido no cenário baiano, contra o governador-geral do Estado do Brasil Diogo Luís de Oliveira (1627 – 1635). Tem como objetivo analisar os conceitos fundamentais que conformam o governo de Diogo Luiz como tirano segundo o autor dos capítulos; além de discutir em que medida a biografia de Lourenço de Brito possibilita uma maior compreensão da produção destas formas de discurso com as tomadas de posição política na cena pública de Salvador.

Palavras-Chave: Discurso Político. Lourenço de Brito Correia. Petição.

 

[1] Este trabalho estaria incompleto se não fossem expressos meus agradecimentos à Nathália Serenado, a Eric Carvalho e Jorge Victor Souza pela leitura e sugestões para tornar este texto mais agradável e consistente. A responsabilidade pelas conclusões que se seguem, no entanto, é inteiramente minha.

Biografia do Autor

  • Luis Henrique Souza dos Santos, Universidade Federal do Rio de Janeiro

    Mestrando em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). 

Downloads

Publicado

01-07-2019

Como Citar

“Este povo está oprimido e tiranizado”: Petição e capítulos contra o mau governo na América Portuguesa (1630 – 1640). (2019). Revista De História Da UEG, 8(1), e811912. //www.revista.ueg.br/index.php/revistahistoria/article/view/9004