Do acontecimento histórico ao acontecimento discursivo: uma análise da “Marcha das vadias”

  • Amanda Pontes Rassi Universidade Federal de São Carlos

Resumo

O presente trabalho discute a relação entre as noções de acontecimento histórico, acontecimento discursivo e acontecimento lingüístico no processo de constituição de sentidos da identidade feminina, a partir de práticas dos movimentos feministas e protestos contra a violência sexual sofrida por mulheres. Tomando como base um acontecimento histórico – a declaração feita por um policial e veiculada fortemente pela mídia, de que as mulheres são estupradas porque se vestem como vadias –, pretende-se delinear o percurso sócio-histórico que levou ao acontecimento discursivo chamado Marcha das Vadias. Assim como um acontecimento histórico pode gerar um acontecimento discursivo, este, por sua vez, também pode ser determinante para a ocorrência de um acontecimento lingüístico. As três noções de acontecimento se pautam na Teoria da Análise do Discurso de orientação francesa e são exploradas neste artigo, levando-se em conta sua relação com a atualização dos discursos,os efeitos de sentido pretendidos e produzidos pelos discursos, a produção e circulação dos discursos e a constituição da identidade feminina nesse panorama.

FROM HISTORICAL EVENT TO DISCOURSIVE EVENT: AN ANALYSISOF “SLUTWALK”

Abstract: This paper discusses the relation between the concepts of historical event, discursive event and linguistic event, in the constitution process of meanings of feminist identity, from practices of feminist movements and protests against sexual violence suffered by women. Based on a historical event – the statement made by a police officer and strongly conveyed by the media that women are raped because they dress like sluts – is intended to outlinethe socio-historical path that led to the discursive event called Slutwalk. As a historical event can generate a discursive event, this, in turn, can also be decisive for occurring a linguistic event. The three notions of event are guided in the French orientated Theory of Discourse Analysis and are explored in this article, considering its relationship with the speech revising, the effects of meaning intended and produced by the speeches, the production and circulation of discourse and the constitution of female identity in this perspective

Como Citar
Rassi, A. (1). Do acontecimento histórico ao acontecimento discursivo: uma análise da “Marcha das vadias”. Revista De História Da UEG, 1(1), 43-63. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/revistahistoria/article/view/599
Seção
Artigos (Tema Livre)