Escrever história, fixar o tempo: as primeiras escolhas do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte (IHGRN)

Writing history, setting time: the first choices of the Historical and Geographic Institute of Rio Grande do Norte (IHGRN)

  • Bruno Balbino Aires da Costa Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

Resumo

O objetivo do presente trabalho é examinar o Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte (IHGRN) como um lugar social de produção de textos historiográficos, evidenciando como estes auxiliam no processo de fabricação da memória histórica norte-rio-grandense. Parte-se da hipótese de que esse empreendimento historiográfico levado à cabo pelos sócios do IHGRN, nos primeiros anos da sua fundação, considerou como uma das estratégias principais o estabelecimento de uma certa articulação do tempo do Rio Grande do Norte ao tempo da nação.   Destarte, para melhor compreender esse processo de construção historiográfica, examina-se os primeiros artigos publicados pelos sócios do IHGRN na revista da agremiação, justamente, para evidenciar como essa configuração refletiu logo nas primeiras escolhas temáticas e heurísticas, publicadas pela revista da agremiação, nos anos iniciais de sua criação.

Palavras-chave: IHGRN. Historiografia. Memória histórica. Rio Grande do Norte.

Biografia do Autor

Bruno Balbino Aires da Costa, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

Doutor em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS); docente do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Campus Apodi, e do Mestrado em Ensino de História da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (ProfHistória/UERN).

Publicado
2021-01-08
Como Citar
Costa, B. (2021). Escrever história, fixar o tempo: as primeiras escolhas do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte (IHGRN). Revista De História Da UEG, 10(01), e012108. Recuperado de https://www.revista.ueg.br/index.php/revistahistoria/article/view/10752