O ENSINO DE GEOMETRIA PLANA NA PERSPECTIVA DA TEORIA HISTÓRICO-CULTURAL

  • Danilo Borges Caetano
Palavras-chave: Geometria, Educação Matemática Inclusiva, Experimento Didático

Resumo

O presente artigo apresenta uma experiência didática sobre o ensino de geometria na perspectiva da Teoria Histórico-Cultural de Vygotsky (1994), em especial como uma proposta que envolva todos os estudantes no processo de aprendizagem. Tal estudo é fruto de uma pesquisa de mestrado profissional do Programa de Pós-Graduação em Ensino na Educação Básica - PPGEEB da Universidade Federal de Goiás-UFG. Nossa intenção é apresentar um produto educacional que desenvolvemos durante o mestrado profissional, elaborado para trabalhar no 8º ano do Ensino Fundamental em uma Escola Pública da Rede Estadual de Ensino no município de Itaberaí-GO, a partir do desenvolvimento de estratégias e instrumentos pedagógicos que permitem a aprendizagem de todos. Para isso, utilizamos como fundamento teórico-metodológico o Desenho Universal Pedagógico de Kranz (2015) que mostra práticas pedagógicas inclusivas no ensino da Matemática e a Teoria da Atividade de Leontiev (2016) que apresenta o processo de aprendizagem como uma estrutura cognitiva de desenvolvimento. Utilizamos o experimento didático como metodologia para o desenvolvimento de uma sequência didática que trabalhasse com o conteúdo de área e perímetro de figuras planas, considerando um ambiente de aprendizagem inclusivo. Um dos principais resultados encontrados foi a possibilidade de desenvolver uma aprendizagem criativa e colaborativa entre os sujeitos de modo a despertar o raciocínio intuitivo deles para a apropriação dos conteúdos trabalhados.

 

Palavras-chave: Geometria. Educação Matemática Inclusiva. Experimento Didático.

Publicado
2021-08-02