O corpo discente e a educação remota em uma escola municipal de mineiros, durante a pandemia de COVID-19

Palavras-chave: Educação. Ensino Remoto. Desafios.

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo refletir sobre o modelo da educação com foco no ensino remoto em resposta ao novo cenário mundial desencadeado pela pandemia de Covid-19, de forma a evidenciar os desafios e as perspectivas enfrentados por alunos. Mas também revelou-se o que os professores e pais enfrentam com essa situação. Para a elaboração deste estudo, utilizou-se pesquisa qualitativa e recursos bibliográficos. Esse novo modelo de educação trará mudanças importantes para o cenário educacional? Sim ou não, tudo isso dependerá da estratégia dos órgãos competentes e do planejamento pedagógico desenvolvido para enfrentar esta nova realidade. Para melhor compreensão do assunto, foi necessária uma entrevista com alunos, professores e pais relacionada aos diversos assuntos do Ensino Remoto, detalhamento de como foi esse período, a adaptação, o conceito histórico do ensino remoto, os métodos de aprendizagem e as leis que amparam que por sua vez é de fundamental importância em relação ao ensino remoto. A pesquisa de campo realizada em uma escola pública municipal, no período de março a novembro de 2020, logo após a necessidade de isolamento social devido a pandemia global para a Educação Infantil e Ensino Fundamental, revela algumas dificuldades neste sistema, tais como relacionamento professor/aluno pela demora de resposta de ambos, elaboração de material didático específico para o ensino, dificuldade do aluno no acesso as atividades propostas e de como realizá-las. Por outro lado, percebe-se que quando estes problemas vão sendo solucionado ao longo do tempo, o ensino remoto torna-se eficaz para o aprendizado.

Biografia do Autor

Fernanda Cristina Castro Moraes

Graduanda em Pedagogia pela Universidade Estadual de Goiás 2020 (nandacrismt@hotmail.com).

Publicado
2021-03-09
Seção
Artigos