PERFIL CLÍNICO E EPIDEMIOLÓGICO DOS PACIENTES RENAIS CRÔNICOS DE UM HOSPITAL ESTADUAL DE URGÊNCIAS DE GOIÂNIA-GO

  • Geovanna Pontes Universidade Estadual de Goiás
  • Lucieli Boschetti Vinhal Universidade Estadual de Goiás
  • Elizabeth Rodrigues de Morais Universidade Estadual de Goiás
Palavras-chave: Doença Renal Crônica, Perfil de Saúde, Perfil Epidemiológico, Observações Clínicas, Atendimento de Urgência.

Resumo

Objetivo: Descrever o perfil clínico e epidemiológico e o desfecho da internação de pacientes portadores de Doença Renal Crônica (DRC) de um hospital de urgências de Goiânia-GO. Métodos: Estudo observacional, prospectivo e descritivo. Participaram pacientes que passaram pelas enfermarias ou setores de clínicas com diagnóstico de DRC em tratamento hemodialítico no Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia. Coleta realizada por meio de uma ficha estruturada e acompanhamento durante a internação. Resultados: Participaram do estudo 51 pacientes, média de idade de 61 anos, maioria do sexo masculino (72,5%), de etnia parda (51%), casados (56,9%), aposentados e/ou beneficiários (51%), não alfabetizados (33,3%) e 64,7% eram de outros municípios. Predominaram fumantes (51%) e não praticantes de atividade física (90,2%). Principal sintoma era a fraqueza (49%) e o sinal clínico a anemia (41,2%). Principal causa de internação foi urgência dialítica (52,9%), com diagnóstico de DRC (78,4%) e o início do tratamento (80,4%) durante a internação. Apenas 17,6% faziam acompanhamento na Unidade Básica de Saúde e a principal comorbidade foi a Hipertensão Arterial Sistêmica (76,5%). Tempo de internação com média de 31 dias e com desfecho de alta hospitalar com encaminhamento para a hemodiálise (64,7%). Conclusão: Esses dados são importantes para traçar o perfil desses pacientes e auxiliar os profissionais de saúde no planejamento nos atendimentos de urgência e na atenção primária.

Publicado
2022-01-29
Como Citar
Pontes, G., Vinhal, L., & de Morais, E. (2022). PERFIL CLÍNICO E EPIDEMIOLÓGICO DOS PACIENTES RENAIS CRÔNICOS DE UM HOSPITAL ESTADUAL DE URGÊNCIAS DE GOIÂNIA-GO. Movimenta (ISSN 1984-4298), 14(3), 927-937. https://doi.org/10.31668/movimenta.v14i3.12504
Seção
Artigo Original