GRUPO DE ESTUDO E PESQUISA COMO PROCESSO DE APRENDIZAGEM PARA FORMAÇÃO ACADÊMICA EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS

  • Carolina Carvalho Rocha Sena Universidade Federal de Goiás
  • Juliana Santos de Souza Hannum

Resumo

Em busca de ferramentas que aprimorem a aprendizagem no ensino superior, o Grupo de Estudo e Pesquisa (GEP) aparece como uma alternativa promissora de metodologia de aprendizagem. Diante disto, este trabalho teve como objetivo apresentar a importância e as contribuições de Grupos de Estudos e Pesquisas no processos de aprendizagem na perspectiva dos participantes da área de ciências agrárias. Esta pesquisa caracterizou-se como exploratória e explicativa. Foi distribuído um questionário por meio da plataforma de formulários no Drive do Google que abordaram questões referentes ao objetivo dessa pesquisa, sendo elas dissertativas e objetivas. Os resultados demonstram o papel positivo dos Grupos de Estudo e Pesquisa para a formação acadêmica, profissional e pessoal do discente. Os grupos proporcionaram aos participantes aplicabilidade do conteúdo ministrado em sala de aula, assim como a vivencia com profissionais da área e com atividades do âmbito de atuação. Mostrando enaltecimento do currículo acadêmico dos participantes. Deste modo, consideramos que o GEP mostrou-se viável para o incremento da aprendizagem na área de ciências agrárias, colaborando tanto para obtenção de conhecimentos específicos como para desenvolvimento integral dos participantes envolvidos.

Biografia do Autor

Carolina Carvalho Rocha Sena, Universidade Federal de Goiás
Recursos hídricos e Saneamento Ambiental
Publicado
2020-06-18