[1]
G. J. Rodrigues Liska, “Significação e paradoxo na interface semântica, léxico, discurso e cogniçã”o, Via_Litterae, vol. 10, nº 2, p. 219-236, dez. 2018.