EDUCAÇÃO AMBIENTAL E ENSINO DE GEOGRAFIA NA ELABORAÇÃO E EXECUÇÃO DE METODOLOGIAS PARA A RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

  • Déborah Juliana Barbosa Moura Duarte Graduada em Geografia (licenciatura) pela Universidade Estadual de Goiás (UEG), Unidade Universitária de Anápolis - CSEH
  • Kesia Rodrigues dos Santos Doutora em Geografia pela Universidade de Campinas (UNICAMP-SP) e Docente do Curso de Geografia da Universidade Estadual de Goiás, Unidade Universitária de Anápolis - CSEH

Resumo

Resumo: O presente artigo buscou discutir a relação da Educação Ambiental com o ensino de Geografia na elaboração de metodologias educativas para a recuperação de áreas degradadas. Para tanto discutiu-se sobre a relação entre ensino de Geografia e Educação Ambiental, bem como aliando as duas é possível construir metodologias para recuperar áreas que sofreram algum tipo de degradação ambiental. Buscou-se assim, aliar o ensino de Geografia com a educação ambiental, em um projeto lúdico, em que as crianças tem a oportunidade de serem instruídas de maneira teórica sobre a degradação e a proteção do meio ambiente, mas também colocar em prática seus conhecimentos através das oficinas, em especial a de ação de replantio das árvores para a recuperação da nascente. Assim, cinco oficinas foram realizadas com os alunos, abordando temas diversos dentro da temática da educação ambiental.

Palavras-chave: Área degradada. Recuperação de área degradada. Ensino de Geografia. Educação Ambiental. Recursos Hídricos.

 

Referências

não
Publicado
2020-08-06
Seção
Artigos