A Companhia de Jesus na Índia e o Colégio de São Paulo em Goa: vicissitudes de 1552 a 1558

The Society of Jesus In India And the College of São Paulo In Goa: Experiences From 1552 To 1558

  • Felipe Augusto Fernandes Borges Instituto Federal do Paraná (IFPR)

Resumo

A presença jesuítica no Estado da Índia remonta ao ano de 1542, quando Francisco Xavier chega a Goa. Em 1548, os jesuítas fundam o Colégio de São Paulo, que passa a ser o centro referencial das atividades da Companhia de Jesus no Oriente. O objetivo deste artigo é versar sobre o Colégio de São Paulo e as atividades por meio dele empreendidas no período entre 1552 e 1558. Em 1552 Francisco Xavier sai em sua missão rumo à China, deixando em seu lugar o padre Gaspar Barzeo. A morte de Xavier ocorre ainda em 1552 e a de Barzeo em 1553. Depois disso, há um período que denominamos no trabalho como um “vazio de comando” na hierarquia jesuítica na Índia, apenas sanada com a chegada dos novos provincial e reitor, em 1558. A fontes utilizadas estão contidas nos volumes II, III e IV da Documenta Indica e no volume V da Documentação para a história das missões do Padroado português do Oriente. Conclui-se que as atividades empreendidas por estes padres são, sobretudo, atividades culturais, religiosas, educacionais. Olhar para tais atividades e seus impactos na sociedade local da época nos ajudam a compreender a dinâmica das interações sociais, culturais e das relações de poder existentes no período estudado.
Palavras-chave: Colégio de São Paulo. Companhia de Jesus. Goa. Estado da Índia.

Biografia do Autor

Felipe Augusto Fernandes Borges, Instituto Federal do Paraná (IFPR)

Doutor em História pela Universidade Estadual de Maringá (UEM); docente do Instituto Federal do Paraná (IFPR), Campus Pitanga.  

Publicado
2022-03-23
Como Citar
Borges, F. (2022). A Companhia de Jesus na Índia e o Colégio de São Paulo em Goa: vicissitudes de 1552 a 1558. Revista De História Da UEG, 11(01), e112212. https://doi.org/10.31668/revistaueg.v11i01.12274