Notas sobre a turistificação do centro da Cidade do Rio de Janeiro – séculos XIX e XX

Notes on the touristification in the city center of Rio de Janeiro - 19th and 20th centuries

Resumo

Apoiado no referencial teórico de Milton Santos, especialmente nas categorias de “estrutura”, “processo”, “função” e “forma”, este artigo busca examinar a turistificação do centro da cidade do Rio de Janeiro, ao longo dos séculos XIX e XX. Utiliza como fontes documentais dois guias de viagem, um de 1882 (Guia do Viajante no Rio de Janeiro, da Gazeta de Notícias) e outro de 1979 (Rio antigo – Roteiro turístico-cultural do centro da cidade, da Embratur), tentando estabelecer comparações de forma a identificar permanências e rupturas na paisagem turística do centro da cidade. Percebeu-se a influência dos dois guias analisados na “turistificação” da cidade, considerando as diferenças contextuais de cada período e as intencionalidades distintas das publicações.

Biografia do Autor

Denise de Morais Bastos, Arquivo Nacional

Assistente de Pesquisa do Arquivo Nacional. Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Turismo (Ppgtur) da Universidade Federal Fluminense (UFF).

Bernardo Lazary Cheibub, Universidade Federal Fluminense

Doutor em História, Política e Bens Culturais pelo Cpdoc/FGV, com doutorado sanduíche na Universidade de Surrey. Mestre em Estudos do Lazer pela UFMG. Professor e pesquisador da Faculdade de Turismo e Hotelaria da UFF, compondo o quadro permanente do Ppgtur. Coordenador do programa de extensão Turismo Social UFF. Líder do grupo de pesquisa MobLaTus - Mobilidades, Lazer e Turismo social.

Publicado
2021-03-16