Efeito clientela no setor elétrico brasileiro e suas possibilidades de arbitragem

  • Alexandre da Silva Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Guilherme Kirch

Resumo

RESUMO: O setor elétrico (IEE) caracteriza-se por pagar dividendos acima da média das empresas abertas. O objetivo do estudo foi comparar empresas do setor elétrico com empresas do Índice da Bolsa de Valores de São Paulo (IBOV) quanto ao valor de suas ações após o pagamento de dividendos. O trabalho foi realizado por meio dos modelos CAPM, Retornos Anormais para a Janela do Evento e o modelo de Elton & Gruber nos dias 1 (D1) e 3 (D3) ex-dividendos. Não foram encontradas diferenças entre os grupos quanto a Retornos Anormais para a Janela do Evento e após correção dos preços das ações pelo modelo CAPM. Contudo, encontrou-se diferenças estatisticamente significativas através do modelo de Elton & Gruber. Quanto a arbitragem, ao fixarmos cuttoff de 2%, encontramos: a) no D1 houve maior possibilidade de aumento do preço da ação após o pagamento de dividendos no IEE; b) IEE teve mais casos de variação superior a 2%; c) D3 foi igual a D0, não permitindo arbitragem nesta data. Portanto, as ações IEE possuem maior possibilidade de gerarem aumentos dos preços das ações superiores a 2% que as do grupo IBOV após pagamento de dividendos.

Palavras-Chave: Dividendos. Investimentos. Setor elétrico.

 

ABSTRACT: The electricity sector (IEE) is characterized by paying dividends above the average of publicly traded companies. The objective of the study was to compare companies in the electricity sector with companies of the São Paulo Stock Exchange Index (IBOV) regarding the value of their shares after the payment of dividends. The work was done using the CAPM, Abnormal Returns for the Event Window and Elton & Gruber models on days 1 (D1) and 3 (D3) ex-dividends. No differences were found between the groups regarding abnormal returns to the Event Window and after correcting stock prices for the CAPM model. However, statistically significant differences were found through the Elton & Gruber model. Regarding arbitrage, when we set 2% cuttoff, we find: a) in D1, there was a greater possibility of increasing the stock price after the payment of dividends in the IEE; b) IEE had more cases of variation of more than 2%; c) D3 was equal to D0, not allowing arbitration on this date. Therefore, IEE shares are more likely to generate share price increases in excess of 2% than those of the IBOV group after payment of dividends.

Keywords: Dividends. Investments. Electric Utilities.

Publicado
2019-12-20
Seção
Artigos