EXERCÍCIO RESISTIDO NA FUNÇÃO MOTORA DO COMPLEXO ARTICULAR DO OMBRO EM PACIENTES NO PÓS-DISSECÇÃO CERVICAL: REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

  • Patricia Lima Patrocinio Centro Universitário Jorge Amado - UNIJORGE
  • Dirlane Queiroz Sampaio Centro Universitário Jorge Amado– UNIJORGE
  • Nilo Manoel Pereira Vieira Barreto Universidade Federal da Bahia
  • Manuela de Teive Argollo Samartin Cerqueira Clínica CLION
  • Michelli Christina Magalhães Novais Universidade Federal da Bahia
Palavras-chave: Esvaziamento cervical, Ombro, Reabilitação

Resumo

Introdução: O câncer de cabeça e pescoço abrange as neoplasias que afetam as cavidades oral e nasal, seios paranasais, laringe, faringe, glândula tireoide e glândulas salivares. Dentre os tratamentos, a dissecção cervical é comumente utilizada, mas pode causar disfunções motoras. Objetivo: Investigar os efeitos dos exercícios resistidos na função motora do complexo articular do ombro pós dissecção cervical. Método: Revisão sistemática de ensaios clínicos realizada através da busca nas bases de dados Medline, PEDro e LILACS, com a combinações dos descritores Neck Dissection, Shoulder, Rehabilitation e seus correlatos, realizada entre fevereiro e abril de 2020.  A qualidade metodológica dos artigos foi avaliada pela escala PEDro. Resultados: Um total de 4 estudos, publicados entre 2004 e 2019, foram incluídos. Foram analisadas as repercussões do exercício resistido nos desfechos de dor, amplitude de movimento (ADM), qualidade de vida (QV) e força muscular (FM). Verificou-se que a intervenção investigada proporcionou a redução da dor, aumento da ADM e ganho de FM do complexo articular do ombro; entretanto, nenhum dos ensaios clínicos identificou ganhos significantes na QV. Conclusão: Segundo os estudos revisados, o exercício resistido tem o potencial de promover a melhora na função motora do complexo articular do ombro, dados os benefícios na FM e ADM encontrados. Tais melhorias podem contribuir para a realização de atividades da vida diária que envolvem os membros superiores, possibilitando uma maior independência funcional para os pacientes.

Publicado
2022-01-29
Como Citar
Patrocinio, P., Sampaio, D., Vieira Barreto, N. M., Argollo Samartin Cerqueira, M., & Novais, M. C. (2022). EXERCÍCIO RESISTIDO NA FUNÇÃO MOTORA DO COMPLEXO ARTICULAR DO OMBRO EM PACIENTES NO PÓS-DISSECÇÃO CERVICAL: REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA. Movimenta (ISSN 1984-4298), 14(3), 938-952. https://doi.org/10.31668/movimenta.v14i3.11688
Seção
Artigo de Revisão