A Poética do corpo: uma leitura analítica do espaço corpóreo na poesia de Caio Meira

  • Klleber Mendonça Moreira de Mendonça Júnior Universidade Estadual de Goiás

Resumo

A poesia de Caio Meira (2013) projeta-se sobre a imagem do corpo imersa em seus poemas. Uma força antilírica movimenta a tessitura dos textos poéticos desse autor por meio de um trabalho da linguagem que oscila entre o prosaico e o poético e as tensões transcritas nas experiências dos sujeitos-corpo dos textos de Caio Meira. O corpo é sujeito e espaço principal na poesia desse autor contemporâneo. Assim, seus textos condensam imagens somáticas, eróticas e orgânicas traduzidas por inquietudes, tensões, impulsionadas num meneio entre os enjambements e as experiências paradoxais assumidas por seus sujeitos no eixo dos poemas do autor supracitado. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho é refletir, através da análise de poemas da coletânea de livros Romance (2013), numa perspectiva arriguciana de análise (ARRIGUCCI JR, 1990), sobre a poética do corpo tomada como foco principal nos textos poéticos de Caio Meira.

Publicado
2020-10-19
Seção
Artigos