MODELOS DE CONTEXTO NA LEITURA DE SEQUÊNCIAS EM QUADRINHOS:

DO NÃO VERBAL PARA O VERBAL

  • Maria Teresa Tedesco Vilardo Abreu

Resumo

Um dos textos mais lidos por crianças e por adultos de diferentes idades, pois diverte e faz pensar, são as Histórias em Quadrinhos. Oriundas dessas, as sequências em quadrinhos (SQ) tomam espaços em jornais e em revistas, popularizando mais e mais essas narrativas, cuja característica básica é a interseção entre o texto verbal e não verbal.  Especificamente, a SQ é um gênero textual que, além de abrigar os dois diferentes tipos de linguagem, exigindo habilidades múltiplas de leitura, permite uma expansão do contexto cultural do leitor, em geral, devido aos enredos desenvolvidos. Considerando esse contexto, o objetivo deste artigo é discutir conceitos atuais da Linguística Aplicada, bastante utilizados para o ensino de língua estrangeira, quais sejam de interculturalidade e de letramento crítico, relacionando-os ao conceito de modelo de  contexto, postulado por Van Dijk (2012), a fim de relacioná-los como embasamento para alternativas metodológicas de elaboração de material didático de leitura para as aulas de língua materna

Publicado
2020-07-08