COMPARAÇÃO ENTRE O DESENVOLVIMENTO MOTOR DE BEBÊS PRÉ-TERMO DE DUAS REGIÕES DO BRASIL

  • Cibelle Kayenne Martins Roberto Formiga
  • Nádia Cristina Valentini
  • Lívia Ellen França do Amaral
  • Keila Rutting Guidoni Pereira
  • Raquel Saccani
  • Maria Beatriz Martins Linhares

Resumo

O desenvolvimento motor da criança é resultado das influências biológicas e dos ambientes físico e social e que vive. Essa interação pode incentivar ou limitar as habilidades motoras. O objetivo foi verificar a influência que as diferenças culturais e socioeconômicas de duas regiões brasileiras exercem no desenvolvimento motor de recém-nascidos pré-termo no primeiro ano de vida. Estudo transversal de comparação de grupos. Participaram do estudo 429 prematuros de ambos os sexos, selecionados em dois estados brasileiros e divididos em duas amostras: bebês nascidos no Rio Grande do Sul (Sul do Brasil) e bebês nascidos de Goiás (Centro-Oeste do Brasil). O desenvolvimento dos bebês foi avaliado pela Alberta Infant Motor Scale nas idades de recém-nascido (RN) a 12 meses e os resultados foram comparados de acordo com as faixas etárias: RN a 6 meses e 7 a 12 meses de idade cronológica corrigida. Quanto à caracterização das amostras, foram encontradas diferenças significativas entre os grupos apenas nas variáveis peso ao nascer, perímetro cefálico, tempo de internação, idade materna e renda familiar, com o grupo do sul do Brasil apresentando resultado superior. Já com relação ao desempenho motor, os grupos apresentaram diferenças apenas na faixa etária de RN a 6 meses, com os bebês do centro-oeste apresentando resultados mais atrasados na pontuação geral e nas posturas prono e sentado. Os bebês da região centro-oeste do Brasil apresentaram desenvolvimento motor mais atrasado que os bebês do sul do Brasil, o que pode ter sido influenciado pelos resultados inferiores obtidos nas variáveis neonatais de peso ao nascer e perímetro cefálico.

Palavras-chave: Prematuro. Desenvolvimento Infantil. Destreza Motora. Influências Ambientais. AIMS.

Publicado
2018-08-25
Seção
Artigo Original